COMBATE ÀS FRAUDES

Mulher é presa no Ceará tentando fazer prova de vida de pessoa já morta

Publicado: 22/11/2019 12:23
Última modificação: 22/11/2019 12:23
Servidores da Agência de Previdência Social de Canindé perceberam a fraude e chamaram a polícia

Em ação da Força-Tarefa Previdenciária, a Polícia Federal prendeu, na última quarta (20), uma mulher que tentava fazer prova de vida de uma beneficiária sabidamente já falecida. A detenção ocorreu na Agência da Previdência Social em Canindé (CE). O benefício pretendido era uma aposentadoria por idade.

A polícia foi acionada pelos servidores da agência, que perceberam a tentativa da prova de vida falsa. Após a prisão, foram detectados outros benefícios em nome da pessoa detida em flagrante.

 

Informações para a imprensa
Assessoria de Comunicação
(61) 2021-5109
Secretaria Especial de Previdência e Trabalho
Voltar para o topo