COMBATE ÀS FRAUDES

Foragido de penitenciária no Piauí é detido na segunda etapa da Operação Grande Família

Publicado: 17/10/2019 20:14
Última modificação: 18/10/2019 15:34
Detenção ocorreu em Teresina, em ação que combate esquema responsável por prejuízo de R$ 26 milhões

A Força-Tarefa Previdenciária deu andamento, na tarde desta quinta-feira (17), à segunda etapa da Operação Grande Família, em Teresina, no Piauí. A Polícia Federal prendeu preventivamente uma pessoa e cumpriu três mandados de busca e apreensão. As ações foram determinadas pela 1ª Vara da Justiça Federal em Teresina.

O acusado preso preventivamente já havia sido detido na primeira etapa da operação, no último dia 15 de maio, e estava foragido da penitenciária do município de Campo Maior (PI). De acordo com as investigações, ele integra uma organização criminosa responsável por fraudes contra a Previdência Social. No momento da detenção, nesta quinta-feira (17), ele tentava sair do Piauí e ir para o estado vizinho do Maranhão.

A Operação Grande Família investiga um grupo criminoso especializado em produzir documentos falsos para o recebimento indevido de benefícios previdenciários. São apurados, entre outros, os crimes de organização criminosa e de estelionato, com prejuízo à União de aproximadamente R$ 26 milhões.

Os mandados de busca e apreensão foram cumpridos nos bairros Recanto das Palmeiras e Morada do Sol, em Teresina.

Informações para a imprensa
Assessoria de Comunicação
(61) 2021-5109
Secretaria Especial de Previdência e Trabalho
Voltar para o topo