INTERNACIONAL: Acordos de previdência social serão debatidos com brasileiros que vivem no exterior

Publicado: 16/05/2016 13:06
Última modificação: 20/06/2016 17:09

Tema estará na programação da V Conferência Brasileiros no Mundo

A Previdência Social participará da V Conferência Brasileiros no Mundo para tratar de questões como o monitoramento dos acordos internacionais, extensão do rol de países com os quais o Brasil mantém acordo e ampliar a divulgação dos acordos e dos benefícios do sistema previdenciário brasileiro. O evento será realizado entre os dias 17 e 20 de maio, em Salvador.

Serão tratadas questões apontadas desde a última conferência, em 2014, como a facilitação da contribuição para o sistema previdenciário brasileiro, que permitiria inscrições e pagamentos a partir do exterior, por meio de convênio com instituições financeiras brasileiras.

Desde o último evento foram incluídos acordos previdenciários com a Bélgica, Canadá e França. Acerca da ampliação da divulgação dos acordos de previdência, já houve intensificação em países como Japão e Canadá.

A Conferência Brasileiros no Mundo, idealizada pelo Ministério das Relações Exteriores, juntamente com a Fundação Alexandre de Gusmão, tem como principal objetivo mediar o diálogo entre o governo do Brasil e as comunidades brasileiras emigradas, a fim de tomar conhecimento sobre condições e necessidades.

Temas como assistência social, trabalho, saúde, direitos humanos, educação, e assuntos de interesse das comunidades brasileiras também serão discutidos. A programação será realizada no hotel Catussaba Resort e se estenderá pela manhã e tarde, em todos os dias do evento.

Para saber mais sobre os Acordos Internacionais de Previdência Social – bilaterais e multilaterais – firmados pelo Brasil, já em vigor ou em processo de ratificação, acesse a página do MTPS.

 

Assessoria de Imprensa
Matheus Ferreira (estágiário), com supervisão de Marco Túlio Alencar
Ministério do Trabalho e Previdência Social
ascom.mps@previdencia.gov.br
(61) 2021-5009 e 2021-5109

Voltar para o topo