COMBATE À FRAUDE II: Operação da Força Tarefa desarticula organização no Pará

Publicado: 23/09/2015 18:42
Última modificação: 23/09/2015 18:42

Grupo atuava na fraude de benefícios na região metropolitana de Belém e em Alenquer (PA)

Da Redação (Brasília) – A Operação Carretel da Força Tarefa Previdenciária, composta pelo Ministério da Previdência Social, a Polícia Federal e o Ministério Público Federal, desarticulou organização criminosa na região metropolitana de Belém e em Alenquer (PA), nesta quarta-feira (23).

O grupo utilizava sentenças judiciais falsas e inseria dados de processos judiciais fraudulentos nos sistemas do INSS, para obtenção de benefícios previdenciários. Durante a ação, foram cumpridos quatro mandados de busca e apreensão e, cinco de condução coercitiva, inclusive com a arrecadação de bens dos principais envolvidos na fraude.

Com essa ação, a Força Tarefa já identificou um prejuízo de R$ 450 mil aos cofres públicos. No entanto, a operação poderá trazer uma economia anual de aproximadamente R$ 240 mil à União.

Os envolvidos com a organização criminosa poderão responder pelos crimes de estelionato qualificado, associação criminosa, além de ressarcir aos cofres públicos o montante recebido indevidamente. Entre o grupo estava uma servidora do INSS que foi suspensa da função pública.

Em maio desta ano, a Polícia Federal prendeu em flagrante a principal “cooptadora” dos beneficiários, o que desencadeou o início das investigações.

(Ascom/MPS)