SERVIDORES PÚBLICOS: Cooperação técnica entre TCU e Previdência Social possibilitará auditoria coordenada de Regimes Próprios

Publicado: 23/06/2015 14:43
Última modificação: 23/06/2015 15:25
Capacitação de técnicos deve começar no próximo semestre e trará mais eficiência às ações de supervisão
TCU propõe a formalização de acordo com MPS para capacitar seus técnicos. Foto: Erasmo Salomão/MPS

TCU propõe a formalização de acordo com MPS para capacitar seus técnicos. Foto: Erasmo Salomão/MPS

Da Redação (Brasília) – O ministro Vital do Rego, do Tribunal de Contas da União, em encontro com o ministro da Previdência Social, Carlos Eduardo Gabas, propôs a formalização de acordo que capacitará técnicos e possibilitará a auditoria coordenada de Regimes Próprios pelo TCU e tribunais de contas estaduais e municipais.

Em encontro no MPS, na manhã desta terça-feira (23), Vital do Rego, acompanhado de servidores do TCU, justificou a necessidade da cooperação explicando que “há muitas discrepâncias nos estados e municípios e isso nos preocupa”. O acordo será uma espécie de intercâmbio “para que os técnicos do tribunal estejam aptos a realizar melhor o seu trabalho”, explicou.

Para o ministro da Previdência Social é muito importante que os servidores públicos “tenham a certeza de que lá na frente o pagamento dos benefícios previdenciários esteja garantido”. Carlos Gabas colocou todo o corpo técnico do MPS à disposição do TCU para avançar nas tratativas que já vêm sendo realizadas.

“Essa é uma oportunidade ímpar de complementar a supervisão que já é feita atualmente”, avalia o secretário de Controle Externo de Previdência Social do TCU, Fábio Granja. O treinamento, segundo o coordenador de Regimes Próprios de Previdência Social do MPS, Narlon Gutierre, deverá ter início no próximo semestre. Ele acredita que “a iniciativa irá contribuir para a sustentabilidade do Regime de Previdência dos servidores públicos”.

Informações para Imprensa:

(61) 2021 5009 / 5109

Ascom/MPS