COOPERAÇÃO: Organização Internacional do Trabalho quer intensificar a parceria com a Previdência Social brasileira

Publicado: 24/06/2015 15:42
Última modificação: 24/06/2015 15:42

Diretor responsável pelo Escritório da OIT no Brasil, Stanley Gacek, se reuniu com o ministro Gabas e ratificou a importância da colaboração entre os dois órgãos

Ministro Gabas e diretor da OIT, Stanley Gacek ratificam cooperação entre os dois órgãos. Foto: Erasmo Salomão/MPS

Ministro Gabas e diretor da OIT, Stanley Gacek ratificam cooperação entre os dois órgãos. Foto: Erasmo Salomão/MPS

Da Redação (Brasília ) – A Organização Internacional do Trabalho (OIT) ratificou a importância “de dar seguimento à boa colaboração, em várias áreas, com o Ministério da Previdência Social”, durante reunião nesta quarta-feira (24) do diretor responsável pelo Escritório da OIT no Brasil, Stanley Gacek, e o ministro Carlos Eduardo Gabas.

Gacek reiterou os termos do protocolo de intenções, firmado em 2011, entre o organismo internacional e a Previdência Social brasileira com o objetivo de “promover o trabalho decente por intermédio das políticas de investimento das entidades de previdência complementar”, além de outros acordos.

O ministro informou, entre outras questões, ao representante da OIT que está prestes a ser assinado o Acordo Internacional de Previdência Social entre o Brasil e os Estados Unidos, que permitirá aos brasileiros que moram naquele país e aos americanos que vivem aqui somarem os tempos de contribuição para ter acesso a benefícios.

Gacek relatou ao ministro que “as boas práticas da Previdência Social do Brasil” – tema da publicação As Boas Práticas Brasileiras em Seguridade Social – já vêm sendo aplicadas com sucesso em outros países. Além disso, declarou o desejo de realizar eventos multilaterais que tenham como foco os fundos de pensão. Por fim, expressou a vontade da OIT de intensificar ainda mais a cooperação com o MPS.

O secretário-executivo do MPS, Marcelo Siqueira, que participou da reunião junto com Benedito Adalberto Brunca (secretário de Políticas de Previdência Social) e Paulo César dos Santos (diretor do Departamento de Políticas e Diretrizes de Previdência Complementar), será o responsável por dar encaminhamento aos eventos debatidos no encontro, que poderão envolver universidades norte-americanas, holandesas e canadenses.

 

Informações para a Imprensa:

(61) 2021-5109

Ascom/MPS