SC: Leilão oferece patrimônio desocupado do INSS no Oeste de Santa Catarina

Publicado: 21/05/2015 18:56
Última modificação: 03/09/2015 14:22

Terreno em Capinzal será leiloado em 24 de junho

 

De Florianópolis (SC) – A Superintendência Regional Sul do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) promove, no dia 24 de junho, o segundo leilão deste semestre, referente a um terreno de grandes dimensões na periferia de Capinzal (SC). Localizado no bairro São Cristóvão, o terreno foi orçado em R$ 586 mil e pode ser comprado à vista ou a prazo, com lance inicial de 60% do valor. O leilão ocorre às 10 horas, na Agência da Previdência Social do município, dando continuidade ao cronograma de alienação de imóveis em desuso iniciado em maio com a venda bem sucedida de três salas comerciais e um terreno em Balneário Camboriú (SC). Além de promover uma economia com gastos de manutenção, a venda desses bens, que não se adaptam a unidades de atendimento público, se reverte diretamente para o pagamento de benefícios de segurados.

Para participar do Leilão Público convocado pela Gerência-Executiva do INSS em Chapecó (SC), os interessados deverão pagar, na Caixa Econômica Federal, a caução equivalente a 5% do valor mínimo estabelecido para o imóvel, até um dia útil antes da data designada para o recebimento das propostas (24/06). A autorização para o recolhimento da caução deve ser solicitada até às 12 horas do dia 23 de junho, na APS Capinzal (Rua Ernesto Hachmann, 435, no Centro), onde ocorrerá o evento. O edital, fotografias do terreno e outros documentos que contêm as condições de venda do imóvel estão disponíveis gratuitamente nesse mesmo endereço, das 7 às 17 horas, de segunda a sexta-feira, ou pelo site www.previdencia.gov.br, no ícone Leilões, à direita da página.

Superior a 6.153 m², o que equivale a 98 por 62 m², a área se adapta a qualquer tipo de projeto, seja um empreendimento imobiliário, instalação de empresa, loteamento ou fazenda. Com acesso à água de um rio na proximidade, ladeado por residências e uma loja de material de construção, o terreno também já está disponível para visitação. “Se preferir, pode buscar orientação com os servidores na APS, no horário de funcionamento da agência”, complementa Helder da Luz Brasil, servidor do setor de Logística da Gerência de Chapecó.

Todos os imóveis oferecidos pelo INSS estão desocupados e com documentação dominial rigorosamente em dia, explica a coordenadora do Grupo de Trabalho do Patrimônio Imobiliário da Superintendência, Gláucia Bahia de Brito. Na avaliação do superintendente da Regional Sul do INSS, Amarildo de Lemos Garcia, o sucesso dessas vendas significa, além de recursos para o Fundo de Regime Geral de Previdência Social, “economia de gastos, responsabilidade com o patrimônio do trabalhador e afastamento de riscos de invasão e depredação”.

As propriedades não-operacionais em leilão foram entregues à instituição em pagamento de dívidas previdenciárias ou unidades de antigos institutos da Previdência. Um imóvel comercial (casa adaptada), com 308,35 metros quadrados de terreno e 140,7 de área construída, localizado no bairro Rio Maina, em Criciúma (SC), que iria a leilão, está em fase de compra pela prefeitura de Criciúma por R$ 147,8 mil. Quando comprado diretamente por um órgão público, que tem preferência legal, o imóvel é vendido pelo valor da avaliação. Em agosto, vão a leilão dois terrenos de grandes dimensões em São Bento do Sul (SC) e outros dois nos municípios gaúchos de Três Passos e Santo Antônio das Missões, ainda em fase de avaliação.

 

ENDEREÇO DO IMÓVEL: Rua Erny Edgar Fleck, s/n, lote 06, quadra 116, Bairro São Cristovão – Capinzal/SC

ÁREA: 6.156,66 m²

TIPO: Terreno urbano

PREÇO MÍNIMO A VISTA: R$ 586.000,00

VALOR DA CAUÇÃO: R$ 29.300,00

 

Raquel Wandelli

ACS/SC