ATENDIMENTO: São José de Mipibu recebe a 36ª agência da Previdência no Rio Grande do Norte

Publicado: 24/02/2014 10:05
Última modificação: 29/10/2014 18:42
Da Redação (Brasília) – Mais de 46 mil habitantes de São José de Mipibu e Senador Georgino Avelino serão beneficiados diretamente com a inauguração da Agência da Previdência Social (APS) de São José de Mipibu, realizada neste sábado (22) pelo ministro Garibaldi Alves Filho. A unidade faz parte do Plano de Expansão da Rede de Atendimento (PEX), que prevê a construção de 720 novas agências em todo o país. Agora o Rio Grande do Norte conta com 36 agências da Previdência.
O ministro Garibaldi Filho destacou o crescimento da Previdência Social no RN. Foto: Filipe Mamede

O ministro Garibaldi Filho destacou o crescimento da Previdência Social no RN. Foto: Filipe Mamede

Além do ministro da Previdência Social, também participaram da inauguração o senador Paulo Davim, os presidentes da Câmara dos Deputados, Henrique Eduardo Alves, e da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, Ricardo Motta; os deputados estaduais Walter Alves, Gesane Marinho, Hermano Morais, Márcia Maia, Tomba Farias e Fábio Dantas; o presidente do INSS, Lindolfo Neto de Oliveira Sales, e o prefeito de São José de Mipibu, Arlindo Dantas.

“Desde a sua criação para cá, a Previdência cresceu muito e se transformou em um importante instrumento de distribuição de renda. Hoje temos uma das maiores folhas de pagamento do mundo. São R$ 28,8 bilhões liberados por mês para pagar 31 milhões de benefícios rigorosamente em dia. Além disso, em quase 70% das cidades brasileiras os recursos que o pagamento dos benefícios injeta na economia supera o do Fundo de Participação dos Municípios”, comparou Garibaldi Alves Filho.
Por meio do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), o governo federal repassou para São José de Mipibu, durante o ano de 2012, um total de R$ 14,5 milhões. Já a Previdência Social pagou, no mesmo período, R$ 42,8 milhões em benefícios. A média mensal de repasses do FPM (total dividido por 12 meses), em 2012, foi de R$ 1,2 milhão, enquanto a média mensal de repasses da Previdência ultrapassou R$ 3,5 milhões.
Segundo o presidente do INSS, Lindolfo Neto de Oliveira Sales, o Plano de Expansão foi criado com o objetivo de facilitar o acesso aos benefícios previdenciários. “Somente de 2011 para cá, cerca de 310 agências foram entregues em todos os estados brasileiros e outras 200 estão em construção”, informou. Ele acrescentou que, além de proporcionar maior comodidade à população, as novas unidades possibilitam condições adequadas de trabalho aos servidores da Previdência.  (Roberto Homem e Ligia Borges)