COMBATE ÀS FRAUDES: Força Tarefa desarticula esquema de fraude previdenciária em Alagoas

Publicado: 18/12/2013 16:54
Última modificação: 23/12/2013 11:02

De Maceió (AL) – A Força-Tarefa Previdenciária, composta pela Polícia Federal (PF), o Ministério da Previdência Social (MPS) e o Ministério Público Federal (MPF), deflagrou na manhã desta quarta-feira (18), no estado de Alagoas, a Operação Matrix, para coibir a prática de concessão indevida de benefícios assistenciais pela Previdência Social.

Foram cumpridos nas cidades de Maceió e Santana do Ipanema 14 mandatos de busca e apreensão, oito mandados de condução coercitiva, além de seis medidas cautelares de afastamento de servidores públicos de suas funções. A estimativa da Previdência Social é de que o prejuízo causado pela quadrilha chegue a 30 milhões de reais.

Os investigados serão indiciados por estelionato contra a Previdência Social, associação criminosa, inserção de dados falsos em sistema de informação, corrupção ativa e passiva, entre outros, de acordo com a participação individual na fraude. Participaram da operação 45 policias federais e seis servidores do Ministério da Previdência

Voltar para o topo