WORKSHOP: Gestores do INSS Nordeste discutem formas de aperfeiçoar o atendimento oferecido ao segurado da Previdência

Publicado: 28/11/2012 15:53
Última modificação: 03/09/2015 14:42

Reunião realizada em Gravatá (PE) contou com a presença do ministro Garibaldi Alves

De Gravatá(PE) – A Previdência Social quer comemorar 90 anos – em 2013 – aperfeiçoando ainda mais os serviços que oferece aos seus segurados e ampliando a cobertura previdenciária entre os brasileiros. Em reunião com mais de 400 gestores de agências do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) localizadas na região Nordeste – da qual participaram o ministro da Previdência Social, Garibaldi Alves Filho; a secretária-executiva adjunta do MPS, Elisete Berchiol da Silva Iwai; e o presidente do INSS, Lindolfo Neto de Oliveira Sales – o principal assunto em pauta foi a melhoria do atendimento prestado aos segurados.

A reunião com o ministro fez parte do Workshop de Planejamento da Superintendência Regional do INSS no Nordeste, que está sendo realizado em Gravatá (PE) até a próxima sexta-feira (30). “Cada um de nós tem que assumir sua responsabilidade e ampliar os esforços visando o bem do segurado. O compromisso não deve ser com o ministro ou com o presidente do INSS, mas com o cidadão brasileiro que paga impostos, que contribui com Previdência e tem o direito de ser atendido da melhor maneira possível”, afirmou Garibaldi Alves Filho.

O ministro da Previdência comparou que há alguns anos o INSS chegou a ser sinônimo de “fila” no Brasil. “Aquelas filas quilométricas e a necessidade de os velhinhos chegarem durante a madrugada para buscar atendimento no outro dia, essa realidade não existe mais”. Porém, Garibaldi Alves Filho alertou para a necessidade de a qualidade do atendimento ser mantida e até melhorada. Para que isso ocorra, ele pediu que cada gestor participante da reunião dedicasse o máximo de esforço possível.

Na mesma linha, Elisete Iwai destacou que deve ser dado aos servidores do INSS o crédito maior pela transformação que o Instituto passou ao se transformar em referência de bom atendimento. Ela comunicou que as discussões a respeito de uma reformulação nas carreiras de técnico e analista do seguro social já foram feitas com representantes dos servidores e agora estão no âmbito do Ministério do Planejamento. Os estudos a respeito de melhorias na carreira de perito médico também já foram iniciados.

Já o presidente do INSS reforçou a necessidade de o servidor do Instituto ser valorizado. “Recebi do ministro a missão de criar as condições para que a cada dia o cidadão seja melhor atendido. Entendo que, para alcançar esse objetivo, precisamos voltar os olhos para o servidor: devemos estimulá-lo, treiná-lo e valorizá-lo, além de cuidar do seu ambiente de trabalho”, enumerou Lindolfo Sales.

(Roberto Homem)

Voltar para o topo