CAFÉ COM A PRESIDENTA: Dilma dedica programa à sala de monitoramento da Previdência Social

Publicado: 30/01/2012 12:44
Última modificação: 03/09/2015 14:47

Ela informou que este ano serão construídas mais 182 unidades de atendimento à população

Da Redação (Brasília) – A presidenta Dilma Rousseff informou, nesta segunda-feira (30), no programa Café com a Presidenta, que o governo vai implantar, este ano, 182 Agências da Previdência Social (APS): “…queremos melhorar cada vez mais esse atendimento, levando as agências para perto das pessoas. Para isso, vamos abrir, até o fim do ano, 182 novas agências em todo o país; queremos diminuir a necessidade de as pessoas viajarem para tratar de serviços da Previdência. Não sei se você sabe, Luciano, que no Pará, às vezes, uma pessoa tinha que se deslocar até 600km para ir a um posto da Previdência, que era o mais próximo. Para resolver esse problema, vamos inaugurar, até o final do ano, mais 14 agências do estado do Pará”.

A presidenta da República disse ainda que “Faremos também, em todos os lugares que for necessário, concurso público para contratar servidores onde há carência de funcionários”.

A presidenta Dilma Rousseff dedicou o Café com a Presidenta desta segunda-feira (30) ao sistema criado pela Previdência Social para acompanhar o funcionamento das suas agências espalhadas por todo o país: “A Previdência criou um sistema que acompanha, por meio de computadores, cada etapa do atendimento a quem procura uma agência do INSS. Hoje, nós temos 1.353 agências em todo o país. As pessoas procuram essas agências para pedir aposentadoria, para fazer perícia médica ou para requerer outros benefícios. Nosso objetivo é garantir a qualidade e a rapidez do atendimento, é cuidar com carinho da pessoa que procura a Previdência. Por isso é importante que possamos acompanhar passo a passo e saber onde não está bom o atendimento, onde ele pode melhorar”.

Outra ideia da presidenta é expandir o uso desse tipo de sistema para acompanhar o funcionamento de outras áreas, como a da saúde, por exemplo. (Ascom/MPS)

Voltar para o topo