GESTÃO: Previc disponibiliza novo sistema de captação de dados atuariais

Publicado: 22/12/2011 14:20
Última modificação: 20/02/2019 09:33

DAWeb é voltado à supervisão baseada no risco

Da Redação (Brasília) – A Superintendência Nacional de Previdência Complementar (Previc) passa a disponibilizar, a partir de janeiro de 2012, um novo sistema de captação de dados atuariais: o DAWeb. O novo sistema foi desenvolvido para atender a Instrução Previc, de 14/12/2010, que estabeleceu a operacionalidade das novas Demonstrações Atuariais.

O sistema DAWeb foi constituído para integrar as demonstrações atuariais com todos os cadastros da Previc, permitindo ao órgão de fiscalização cruzar, tratar e trabalhar os dados cadastrais nos sistemas hoje existentes na superintendência. O cruzamento possibilitará uma atuação de melhor qualidade, voltada à supervisão baseada no risco.

A formulação do novo sistema atende a muitas das demandas das Entidades Fechadas de Previdência Complementar (EFPC), tais como integração de dados, melhor interatividade, sistema modular e adequação às regras da Instrução Normativa.

Histórico – O DAWeb foi apresentado em dezembro à Comissão Nacional de Atuária e passou pelos primeiros testes com a participação de oito EFPCs, além do Instituto Brasileiro de Atuária (IBA) e da Comissão Técnica Nacional de Atuária da Associação Brasileira das Entidades Fechadas de Previdência Complementar (Abrapp).

De acordo com a Previc, todas as EFPCs devem verificar se as informações constantes no cadastro da Superintendência, quanto aos dados do Cadastro Nacional de Planos de Benefícios (CNPB), espelham exatamente o histórico de cada plano na data de 31/12/2011, posição da avaliação atuarial de encerramento de exercício.

Havendo divergências das informações cadastrais, a EFPC deverá preencher o formulário de recadastramento, disponível em www.previdencia.gov.br e enviar à Coordenação-Geral de Informações Gerenciais (CGIG) da Previc.

Informações para a imprensa
Gabriela Utzig Hoelscher
(61) 2021.2015
ACS/Previc

Voltar para o topo