RIO DE JANEIRO: Moradores de Silva Jardim e Tanguá recebem APS

Publicado: 25/11/2011 17:59
Última modificação: 03/09/2015 14:47

Unidades integram Plano de Expansão da Rede de Atendimento

Do Rio de Janeiro (RJ) – O estado do Rio de Janeiro conta, a partir desta sexta-feira (25), com mais duas Agências da Previdência Social (APS). As unidades de Tanguá e Silva Jardim, entregues à população pelo presidente do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), Mauro Luciano Hauschild, integram o Plano de Expansão da Rede de Atendimento (PEX), que prevê a construção de mais cinco APS no Rio de Janeiro.

“Com a construção das agências, que vão prestar todos os serviços previdenciários, os segurados não precisam mais se deslocar para outros municípios para ter acesso aos serviços previdenciários. Com isso, economizam tempo e dinheiro”, destacou Mauro Hauschild.

Antes, os moradores desses dois municípios se deslocavam mais de 20 km para serem atendidos na Agência da Previdência Social de Rio Bonito. Agora, eles poderão agendar perícia médica, ser atendidos pelo Serviço Social e requerer todos os benefícios em suas próprias cidades.

Durante as inaugurações, Mauro Hauschild destacou programas da Previdência Social que incentivam a formalização, como o Empreendedor Individual e a redução da alíquota previdenciária para as donas de casa de baixa renda. Também participaram das inaugurações a superintendente da Regional Sudeste II do INSS, Maria Alice, e o gerente-executivo do INSS em Niterói, Fernando Mascarenhas.

Em novembro, o INSS pagou benefícios previdenciários a 2.092 segurados de Tanguá, entre auxílios, aposentadorias e pensões, o que representa um investimento de R$ 2 milhões. Já em Silva Jardim foram repassados R$ 3 milhões para pagamento de 3.523 benefícios a cidadãos que estão em gozo de benefício da Previdência Social. A título de comparação, as cidades de Silva Jardim e Tanguá receberam, naquele mesmo mês, R$ 952 mil em repasse do Fundo de Participação dos Municípios (FPM).

Expansão – O estado do Rio de Janeiro já recebeu outra agência do PEX, em São Francisco do Itabapoana. As cidades de Rio das Ostras, Seropedica, Búzios, Mangaratiba e Guapimirim serão contempladas com agências do Plano.

Além da expansão, estão sendo realizadas no estado mais de 50 obras de recuperação da rede atual. A Previdência Social está investindo R$ 44,032 milhões para recuperar e ampliar a rede de atendimento no Rio de Janeiro.

O Plano de Expansão prevê a construção de 720 novas unidades do INSS em todo o país. Os prédios são construídos em terrenos doados pelas prefeituras. O PEX irá estender a presença da Previdência Social a mais de 1.670 cidades brasileiras que têm mais de 20 mil habitantes e não possuem unidades fixas do INSS.

Investimentos – A Previdência Social está investindo R$ 616,5 milhões para aumentar oa número de agências em todo o país e mais R$ 552,3 milhões para recuperar e modernizar a atual rede de atendimento. Todas as unidades estão sendo reformadas, ampliadas ou transferidas para prédios próprios. O total de investimentos para a expansão e recuperação da rede é de R$ 1,1 bilhão.

Informações para a imprensa
Cássia Borges e Daniel Dutra
(61) 2021.5873
Ascom/INSS/MPS

Voltar para o topo